Domingo, 18 de Fevereiro de 2018.

Top 20

  • 01

    • Gustavo Lima
    • Eu vou te buscar
  • 02

    • Maiara e Maraisa
    • Bengala e Chochê
  • 03

    • Wesley Safadão part. Ivete
    • A vontade
  • 04

    • Henrique e Juliano
    • Aquela pessoa
  • 05

    • Matheus e Kauan
    • E nessas horas
  • 06

    • Alok
    • Big Jet Plane
  • 07

    • Anitta
    • Sua cara
  • 08

    • Cleber e Cauan
    • Quase
  • 09

    • Michel Teló
    • Modão duído
  • 10

    • Harmonia & Luan Santana
    • Moça do Espelho
  • 11

    • Naiara Azevedo Part.Ivete
    • Avisa que eu cheguei
  • 12

    • Wesley Safadão
    • Ar condicionado no 15
  • 13

    • Marilia Mendonça
    • Transplante
  • 14

    • Maria Clara
    • Tudo que eu queria
  • 15

    • Pablo Vittar
    • Corpo Sensual
  • 16

    • Breno e Caio Cezar
    • Nosso Infinito
  • 17

    • Zezé & Luciano
    • Destino
  • 18

    • Jorge e Mateus
    • Medida Certa
  • 19

    • Justin Bieber
    • Friends
  • 20

    • Zé Neto e Cristiano
    • Amigo Taxista

Notícia

09/02/18 às 10:57

Ex-prefeito paraibano é condenado a 8 anos de prisão

Notícia

  Ministério Público Federal (MPF) em Patos (PB) pediu e a Justiça condenou o ex-prefeito de Catingueira, no Sertão paraibano, José Edvan Félix, e o ex-secretário de Finanças do município José Hamilton Remígio de Assis Marques, por desvio de recursos públicos com simulação de licitação para aquisição de gêneros alimentícios.

Ambos foram condenados a oito anos e quatro meses de reclusão. O ex-secretário não recorreu da decisão e já se encontra preso no presídio de Patos.

Apesar da condenação, o Ministério Público Federal recorreu e pede aumento da pena dos dois condenados.

Segundo a denúncia do MPF, José Edvan (foto), que foi prefeito de Catingueira de 2005 a 2012,  simulou/frustrou, no ano de 2006, de forma livre e consciente, em conjunto com José Hamilton, a realização de licitações para a aquisição de gêneros alimentícios, com verbas oriundas do Ministério do Desenvolvimento Social e Combate à Fome.

Ainda segundo a denúncia, pagamentos fictícios foram efetuados à pessoa jurídica Luiz Guedes Sobrinho – Supermercado Guedes, com a finalidade de legitimar os gastos.

Os dois condenados têm envolvimento com a Operação Dublê, que desarticulou um quadro sistemático de fraudes licitatórias e desvios de recursos públicos, com uso de notas fiscais clonadas, em Catingueira e Cacimba de Areia. Já há, inclusive, decisão da Justiça para o ex-prefeito de Cacimba de Areia, Betinho Campos, usar tornozeleira eletrônica.

A Dublê possui 43 ações judiciais ajuizadas, sendo 20 denúncias, duas ações cautelares penais para aplicação de medidas pessoais aos ex-gestores e 21 ações de improbidade administrativa.

Os valores desviados, em cálculo atualizado, somente nas ações penais, somam mais de R$ 17 milhões.

Outras Notícias

No ar

Domingo às 00:00

Madrugada 104

Programação gerada pela Radioweb1. Tocando músicas de qualidade.

Pedir uma música

Banner do Topo Banner do Topo

2011 - Rádio Opção 104 FM - Rua Pe.Amâncio Leite, 86 - Centro - CEP:58.840-000 - Pombal - Paraíba - tels:(83)3431.2185 / 9984.3077 - Todos os direitos reservados

www.i9suaradio.com.br