Sábado, 23 de Junho de 2018.

Top 20

  • 01

    • Gustavo Lima
    • Apelido Carinhoso
  • 02

    • Anitta
    • Vai Malandra
  • 03

    • Wesley Safadão
    • Romance com Safadeza
  • 04

    • Bruno e Marrone
    • Sua melhor Versão
  • 05

    • Jorge e Matheus
    • Contrato
  • 06

    • Transplante
    • Marilia Bruno & Marrone
  • 07

    • João Neto & Frederico
    • Rapariga Não
  • 08

    • Léo Magalhães
    • Oi
  • 09

    • Felipe Araújo
    • Amor da sua cama
  • 10

    • Maiara e Maraisa
    • Bengala e Crochê
  • 11

    • Wesley Safadão
    • Amar amei
  • 12

    • Gustavo Mioto
    • Anti-amor
  • 13

    • Marilia Mendonça
    • Transplante
  • 14

    • Marcos e Belutti
    • Mais um ano juntos
  • 15

    • Luan Santana ft. Luiza Sonza
    • Não Preciso de Voce
  • 16

    • Breno e Caio Cezar
    • Nosso Infinito
  • 17

    • Naiara Azevedo Part.Ivete
    • Avisa que eu cheguei
  • 18

    • Thiago Brava
    • Dona Maria
  • 19

    • Simone & Simaria
    • Paga de Solteiro Feliz
  • 20

    • Henrique e Juliano
    • Aquela Pessoa

Notícia

09/06/18 às 16:32

Pais terão que apresentar cartão de vacinação para matricular filhos nas escolas de ensino infantil

Notícia

 Os pais de crianças deverão apresentar o cartão de vacinação dos filhos no ato da matrícula em escolas que oferecem ensino infantil na Paraíba. Isso é o que estabelece a lei 11.139 /2018, que foi sancionado pelo Executivo Estadual e publicada no Diário Oficial. A propositura é de autoria do deputado estadual Jutay Meneses (PRB).

“O poder público deve fiscalizar a aplicação das vacinas em crianças e adolescente, assim como ficou definido no Programa Nacional de Imunização, de 1973, e o melhor momento para fiscalizar o cumprimento do calendário de vacinação é no ato da matrícula do estudante. Temos que atuar de forma conjunta para assegurar direitos e garantir o acesso à saúde para as crianças”, destacou Jutay.

A lei estabelece que no caso de o matriculado não possuir a carteira de vacinação, o responsável vai ter o prazo de 30 dias para providenciá-la junto ao órgão responsável. Caso a carteira de vacinação não seja apresentada ou haja a constatação da falta de alguma das vacinas obrigatórias, a situação deve ser regularizada em um prazo máximo de 30 dias, sob pena de comunicação ao Conselho Tutelar para as devidas providências.

Ainda de acordo com o parlamentar, a falta da carteira de vacinação não impede a matrícula da criança. "A ideia é uma maior colaboração entre os setores da saúde e da educação", justificou.

 

PB Agora

Outras Notícias

No ar

Sábado às 14:00

Vibe Show

Programa apresentando o que está nas pontas em todo Brasil e o mundo.

Pedir uma música

Banner do Topo Banner do Topo

2011 - Rádio Opção 104 FM - Rua Pe.Amâncio Leite, 86 - Centro - CEP:58.840-000 - Pombal - Paraíba - tels:(83)3431.2185 / 9984.3077 - Todos os direitos reservados

www.i9suaradio.com.br