Sábado, 17 de Fevereiro de 2018.

Top 10

  • 01

    • Wesley Safadão
    • Ar condicionado no 15
  • 02

    • Maiara e Maraísa
    • Bengala e crochê
  • 03

    • Simone e Simaria
    • Regime fechado
  • 04

    • Sorriso Maroto
    • Anjos guardiões de amor
  • 05

    • Paula Mattos
    • Não largo, não troco, não empresto
  • 06

    • Pabllo Vittar
    • K.O.
  • 07

    • J.Balvin feat Willy William
    • Mi gente
  • 08

    • Luis Fonsi feat. Demi Lovato
    • É chame la culpa
  • 09

    • Alok part Bruno Martini e Marcos Zeeba
    • Hear me now
  • 10

    • Justin Bieber feat Bloodpop
    • Friends

Notícia

06/12/17 às 06:29

Reforma da Previdência protegerá pobres que ‘pagam pelos que ganham muito no serviço público’, diz Temer

Notícia

 presidente Michel Temer afirmou na noite desta terça-feira (5), durante premiação em São Paulo, que a reforma da Previdência visa acabar com privilégios e irá proteger pobres que, segundo ele, pagam pelos que ganham muito no serviço público

"A Reforma da Previdêcia, na verdade, visa [...] precisamente a combater os privilégios. Porque, na verdade, o que reforma da Previdência faz é proteger os pobres que, na verdade, pagam pelos que ganham muito no serviço público. A ideia da igualdade, que tantas vezes foi aqui apregoada, é a força motriz da reforma da Previdência”, declarou.

O presidente participou, na Zona Sul de São Paulo, da cerimônia de entrega do título de “Brasileiro do Ano”, pela Revista IstoÉ, dado ao juiz Sérgio Moro.

Temer também disse em seu discurso haver informações equivocadas sobre a mudança no sistema previdenciário e quer é preciso eliminar "certos preconceitos", negando que "a partir de amanhã" já estariam valendo exigência dos 65 anos para se aposentar.

“Valeria a pena, talvez, dizer que, na verdade, hoje se aposenta o homem com 55 anos e a mulher, com 53. E que ao longo de 20 anos é que se vai atingir a idade limite de 60 anos”, afirmou. Logo em seguida, no entanto, Temer deixou de detalhar o assunto e disse que "não vale a pena tratar desses temas", para voltar a falar da premiação.

Nesta terça, mais cedo, durante discurso em Brasília, Temer já havia afirmado que vê terrorismo inadequado em divulgações equivocadas sobre a reforma

Outras Notícias

No ar

Sábado às 21:20

Pista Neja

Ouça a rádio ao vivo


www.i9suaradio.com.br